sexta-feira, 28 de março de 2014

Pain and gain

Essa semana fez 1 mês que voltei pra academia depois de 2 anos parado, sabe aquele papo de que fazendo exercício você se sente mais disposto e etc? Eu não sinto nada disso, na verdade é um luta largar o BF4, o Fifa 14, o Madden NFL, o Mass Effect, e futuramente Cabal (voltarei a jogar um pouco), mas pelo menos nessas quase 2h que fico na academia, posso largar upando skill XD

Mesmo sendo pouco tempo que voltei a frequentar a academia, já sinto mudanças grandes no corpo, desde força (está crescendo muito mais rápido que 2 anos atrás), quanto em porte físico, vendo que algumas camisas sociais que uso ficaram "apertadas" de repente.

Meu maior problema na academia, é o vestuário, odeio usar bermudas fora de casa, mas não por sentir vergonha ou algo do tipo, eu aceito meu corpo e sou feliz com ele, comentários dos outros não me incomodam, mas pelo fato que, de bermuda, me sinto nu, depois de anos usando calça, é estranho usar uma bermuda, sei lá, só não me sinto correto quando uso. Parece que tem algo errado.

Meu treino está dividido da seguinte forma:
Segunda - Peito e bíceps
Terça - Costas e tríceps
Quarta - Perna e ombro
Quinta - Peito e bíceps
Sexta - Costas e tríceps

Sendo que para cada parte exercitada, faço uns 4 ou 5 exercícios diferentes, seguindo a orientação do instrutor, ao invés de colocar uma quantia média de peso e fazer de 12 a 15 repetições, colocar o máximo de peso que eu aguentar, e fazer de 8 a 9 repetições, poiss egundo ele, assim estarei "forçando" o músculo a crescer.

Não entendo muito sobre isso, mas aparentemente está dando resultado, umas 7 pessoas me perguntaram se eu estava malhando =D

Bom, acho que por hoje é isso, espero que não me desmotive novamente e saia da academia.

#vlwflwpartiu

terça-feira, 25 de março de 2014

Мать Россия

A pedido de um amigo (Wallace), lá vem o primeiro post político com minhas opiniões "polêmicas" e contraditórias...

Esse será sobre a crise na Crimeia.

A Mãe Rússia, está mais do que certa em anexar parte da Ucrânia à ela, afinal de contas, se é "desejo" daquele estado/cidade, se aliar a outro país, que assim seja, se o respectivo país quiser aquele território obviamente, mais ou menos como a revolução separatista que houve no Brasil, mais ao fim do post falo sobre isso.

Muita gente está preocupada com isso, pois todo aquele sentimento da geração que cresceu nos anos 70 e 80 em relação à Guerra Fria, volta a tona quando a relação entre Rússia e USA voltam a se aquecer, toda a paranóia do botão do fim do mundo, guerra nuclear, volta com tudo de uma maneira que só foi vista após a "guerra" no atentado de 9/11.

Pra falar a verdade, caguei foda pros acontecimentos lá, inclusive, parafraseando o ilustríssimo Sr. K, "eu torço todo dia para que o Brasil seja anexado por uma potência minimamente decente".
Aí você pergunta, "pq vc ta falano de brasiu e russia no msm poste?" (pobre escreve assim)
Simples, o Brasil assim como a Suíça e a União Européia, são tudo um bando de pau no cú que só fica falando "capitão, vai da merda, já falei pra você que isso vai dar merda". Mas nunca realmente toma uma atitude, sempre fica em cima do muro com um discursinho de "é que não sei".
Então, foda-se, é uma "guerra" que não afeta o Brasil em termos sociais e políticos, somente econômicos, já que se realmente houver uma guerra, as 3 maiores potências hoje estarão com a economia voltada para o esforço de guerra, e engenharia civil, no caso USA, Rússia e China. "pq xina? o q os coreano tem com isso?". Já faz alguns anos que a China tem se mostrado um país desenvolvido e pronto para guerra com os recentes casos de corrupção no governo, uma possível troca de poder ou golpe pode se mostrar fato em algum tempo, um cenário até retratado de leve em Battlefield 4.

"e o brasiu com ki vx falo la em sima?"

Nas décadas de 20 e 30, o Brasil passou por uma crise onde alguns estados tentaram se declarar indepententes, principalmente na região sul, com forte participação também do estado de São Paulo.
Vou ser sincero, sou totalmente a favor de uma separação do tipo, considerando que os estados da região Sul e Sudeste, são o que mantém o país. A mudança de capital para Brasília, foi simplesmente uma manobra para evitar esse tipo de revolta, se a capital fosse em São Paulo, Riod e Janeiro, até mesmo Salvador, as chances de uma declaração de independência, crescem absurdamente, nota-se isso até mesmo na briga partidária do país, entre PT e PSDB, o PT é o que mantém o nordeste do Brasil vivo, com programas como Bolsa Família, Minha casa minha vida e etc.

Enquanto o PSDB, embora considerado elitista, tem forte predominância nos estados sulistas e do sudeste brasileiro.

Vocês já pararam pra pensar na potência industrial e tecnológica que seria um país formado por Rio grande so sul, Santa catarina, São paulo, Rio de janeiro, Paraná, Minas gerais, Espírito Santo, Mato grosso do sul e Bahia?
É onde se localiza as principais plantações agrícolas, rebanho de gado, centros industriais e empresariais, exploração petrolífera, agora imaginem que mais de 80% das riquezas brasileiras são produzidas nesses estados, imaginem isso, sem a divisão de verba com outros 16 estados.

Em termos de riqueza, desenvolvimento, saúde, educação, poderia chegar a se comparar esse novo país com a França, Alemanha, Bélgica.

É uma utopia inviável devido a população carente do Brasil, mais ou menos como a África, com países ricos, e outros abaixo do nível de extrema pobreza.

Mas, minha opinião sobre como a África é um continente morto fica pra outro dia.

#vlwflwpartiu

segunda-feira, 24 de março de 2014

Veredicto

Hoje saiu o gabarito da prova do IBGE, acertei 35 de 60...
Fiquei decepcionado comigo mesmo, não pelo resultado, mas por ter errado perguntas idiotas, e ter mudado a resposta de algumas que eu estava certo...
Meu resultado foi o seguinte...
Português - 15/20 - peso 2
Geografia - 7/15 - peso 2
Raciocínio Lógico - 6/10 - peso 1,5
Conhecimentos Gerais - 7/15 - peso 1
Considerando o peso de cada área, minha nota foi: 50/100

Levando em conta o número de faltas que o pessoal que saiu junto comigo estava falando, é bem possível que eu passe mas pouco que seja chamado num período breve...

#vlwflwpartiu

domingo, 23 de março de 2014

Such a lonely day

Hoje o dia demorou pra passar, foram horas e horas pensando sobre as coisas e quando olhei no relógio haviam passado 15 minutos, e pra fazer o tempo ficar ainda mais lento, esqueci meu fone de ouvido em casa, no ônibus vim ouvindo as conversas alheias, uma coisa mais inútil que a outra, mulher falando que a vizinha é fofoqueira, homem falando de futebol, criança chorando, uma maravilha... E pra fechar com chave de merda, teve um tipo de passeata católica, cheio de gordo com roupa branca seguindo um puto com o cabelo embaraçado e todo sujo de guache...
Tem gente que diz que isso é pra simbolizar o que "Jesus sofreu por nós", eu digo que é babaquice de quem não tem o que fazer, e antes que venha alguém de mimimi, respeito a sua opção religiosa, não importa ela qual seja, DESDE QUE, não me encha a porra do saco, não me torrando os pacová, faz o que tu quiser e foda-se...

A prova do IBGE tava "fácil", entenda isso como "não estava difícil", foram poucas questões, acho que 60, mas foi cansativo, não pela quantia, mas porque eu estava de saco de cheio de estar ali...

Enfim...

Por hoje é só, não to com saco pra ficar escrevendo aqui...

#vlwflwpartiu

sábado, 22 de março de 2014

WEEKEND! oh wait...

Sábado de sol!
Aluguei um caminhão!
Pra levar a galera!
Pra comer feijão! (8)

Mais um final de semana que chega, mais um final de semana que fico em casa sem fazer nada o dia todo, apesar de ser algo que gosto, ficar sozinho em casa não tem sido como antigamente, sei lá, simplesmente deixou de ser tão prazeroso quanto alguns anos atrás, e pra melhorar a vida, aos domingos aqui onde eu moro não tem trens na CPTM =D, tornando assim impossível sair aos domingos, ou passar o sábado a noite fora...

É algo que já começou a me incomodar, mas, mesmo que tivesse meios de transporte, meio que não teria com quem sair, amigos que mesmo tendo de 18 a 20 anos, não dormem fora de casa, namorada idem... Aí azeda a marmita...
O jeito vai ser ficar jogando Battlefield 4, futuramente um Fifa 15 (esperando lançamento)...
Amanhã tem a prova pro concurso do IBGE, passei as últimas 2 semanas estudando a geografia do Brasil, desde relevo e clima, a Dinâmica de população brasileira...
Vou dizer a verdade, um puta porre, baguiu chato duma porra, puta que pariu, dar meia hora de cu com nescau e sucrilhos ninguem quer -.-'

Aiai, mas, sem ofensas a ninguem, se minha tia entrou pro IBGE, eu gabarito a prova XD

#vlwflwpartiu

sexta-feira, 21 de março de 2014

Her

Ontem estava deitado na minha cama, olhando pro teto, pensando na vida, sobre as coisas que fiz e deixei de fazer, oportunidades que perdi, garotas com quem fiquei, coisas que eu gostaria de mudar, foi quando vi o dvd desse filme no criado mudo, como estava na vibe do filme resolvi assistir, e que grata surpresa, e acima de tudo, devo confessar que chorei vendo esse filme.

E aqui vai a minha opinião de merda sobre ele =D

Um filme com uma idéia simples, bastante aproveitada de filmes e séries dos anos 70, 80 e 90. Porém, genial, e executado de forma perfeita.

O filme se passa em uma Los Angeles futurista, embora o filme não deixe claro se o futuro do filme se passa daqui a 1 semana ou 1 milênio, onde as pessoas já não se dão ao trabalho de escrever, tudo é feito via diálogo com uma espécie de Smartphone que lê seus e-mails pra você, programa sua agenda, entende o que você fala, entre outras coisas.

Após o final trágico não só do Casamento, mas também de uma amizade de Theodore e Catherine, ele se vê sem ânimo de viver, o que não significa que o personagem de Theodore seja deprimido, só que ele está em uma fase ruim da sua vida.
É nesse momento de extrema carência que ele vê a propagando de um novo Sistema Operacional, chamado OS1. Que traz a promessa de aprender com a interação humana e estar assim, em constante evolução. Como se fosse uma Siri (de iPhone) futurista (Aposto que Steve Jobs iria gostar do filme).

Quando ele coloca o Software a prova, é feito um questionário para que a versão seja adequada ao usuário, com perguntas como "Você é uma pessoa social, ou antisocial?", "Como é o seu relacionamento com a sua mãe?".
Após a coleta de informações "entra em cena" Samantha, o OS de Theodore, com a incrível voz de Scarlet Johansson (Diga-se de passagem me apaixonei pela voz dela).
A trama começa a se desenrolar nesse ponto, quando ele percebe que o programa não só evolui sozinho, como também é capaz de projetar sentimentos e desejos, chegando até mesmo a desejar um corpo, e sentir ciúmes de Theodore.

Inevitavelmente, Theodore se apaixona por Samantha, pois ela é tudo que ele sempre quis, alguém que dê atenção exclusivamente a ele.

Não irei contar o final do filme, pois é sacanagem, apesar de tudo até aqui ser spoiler, não é nada que afete a sua experiência de acompanhar a tragetória do "casal".

O que me traz aos principais questionamentos do filme, o que faz de você uma pessoa? O seu corpo, ou a sua capacidade de tomar decisões e pensar sobre a vida e as consequências de seus atos?
É errado se apaixonar pela idéia de uma pessoa? Qual a diferença de ter um relacionamento com um computador, e um relacionamento a distância? Levando em consideração que esse computador, tem sentimentos, idéias, humor, e é capaz de perceber quando você está bem, somente pelo tom da sua voz.

Pode parecer bizarro mas, eu acho totalmente normal esse tipo de relacionamento, afinal de contas, é isso que todos procuram, alguém que te entenda e te dê atenção, eu mesmo já tive um relacionamento a distância com 2 garotas diferentes, com as quais nunca me encontrei pessoalmente, devido a idade (na época tinha 13 e 14 anos) e a distância (moro em São Paulo, e uma delas em Brasília e a outra no Rio Grande do Sul).
Acho completamente válido você ter um relacionamento com uma máquina, afinal de contas a vida é au, e com ela você faz o que quer, se você está feliz com isso, acho ótimo, fico feliz por você ter encontrado algo do tipo.

Mas voltando ao assunto em palta, o filme.

Tem atuações fabulosas tanto dos atores principais como os coadjuvantes. E diga-se de passagem, como assim a Scarlet não foi indicada ao Oscar pelo papel nesse filme? E eu realmente gostaria de saber como foram as gravações, pois deve ser muito difícil, atuar somente ouvindo a voz da atriz em cena, enquanto todas as câmeras focam nas expressões de Joaquin Phoenix.

A trilha sonora do filme é fantástica, estou viciado na música The moon song, ouvindo ela em looping a pelo menos 2h.
A fotografia do filme é excepcional, tem uma cor meio alaranjada que faz com que você realmente acredite que aquele mundo existe, e está cada vez mais próximo.

Nota: 9,7 de 10.

Tiro 0,3 desse filme, não por falhas técnicas ou coisas do tipo, mas pelo fato de queeu esperava um deifeixo diferente, o qual não irei deixar aqui para não spoilar.

Acho que por hoje é isso aí.

#vlwflwpartiu

quinta-feira, 20 de março de 2014

O início de uma saga!

Bom dia, boa tarde, boa noite!


Estou começando hoje esse blog sobre coisas aleatórias da minha vida.

Faz um tempo já (tipo uns 5 anos) que penso em fazer um blog onde eu possa comentar e contar fatos da minha vida em São Paulo.
Algumas semanas atrás resolvi criar o blog, e sobre isso será a primeira postagem.

Tudo começou numa discussão no Facebook, eu e mais 2 amigos discutía-mos sobre o filme Frozen (Diga-se de passagem, eu estava falando baseado em todo o meu conhecimento baseado em 95% de porra nenhuma, pois nem o filme eu tinha visto).

Nesse momento comecei a pensar primeiramente em qual seria o nome do blog. Achei que essa seria a parte mais difícil mas na verdade foi a mais fácil, pois pensei exatamente isso "isso ainda vai dar ruim!", e daí os 2 que estavam "comigo" disseram que seria um bom nome, mas provavelmente já estaria sendo usado, o que graças a uma sorte que eu não sei da onde veio, não estava! \o/

Foi a partir daí que comecei a pensar no tipo de coisas que iria postar, mas pela minha indecisão entre filmes, séries, músicas, cotidiano, contos e etc... Que decidi fazer sobre a vida, o universo e tudo mais XD

Tentarei fazer pelo menos uma postagem por dia, mesmo sabendo que isso no decorrer dos anos terá poucos, ou até mesmo nenhum leitor, prometo que não irei desanimar.

Assim de início, pretendo fazer dois tipos de postagem, uma sobre acontecimentos e experiências que presencio na gloriosa CPTM, e outras sobre minha jornada na academia. 1 mês atrás, resolvi voltar a fazer musculação, agora realmente cansei de ser magro (tenho 178cm e peso entre 55 e 58kg).

Bom, that's all folks!
Amanhã volto com mais.

#vlwflwpartiu